NOTÍCIAS MAIS VISTAS NO ANO

sexta-feira, 30 de junho de 2017

Jovem que já foi chamada de monstro pode se tornar a próxima Miss Universo



Evita Patcey Edgar Delmundo é uma jovem malaia de apenas 20 anos. A pouca idade, no entanto, não reflete a maturidade e a experiência de vida dolorosa que essa mulher teve de superar para chegar até o presente momento, em que ela se despede definitivamente do bullying (ato de provocar agressivamente o outro) e espera ansiosa pelo resultado do maior concurso de beleza do mundo, o Miss Universo.

Mas até chegar a nesse nível de força e coragem, Evita teve de superar muitos obstáculos durante essa trajetória, e a sua história de vida, claro, não foi fácil. Isso porque ela tem pintas e marcas de nascença espalhadas por todo o corpo. O que pode ser considerado agora um charme, durante toda a sua infância e grande parte da adolescência foi tratada por colegas e desconhecidos como uma aberração.

Na escola a professora precisava insistir que colegas fizessem companhia a jovem. Evita ficava constrangida com a situação e conta que as crianças a chamavam por apelidos humilhantes como “cookie de chocolate” (um biscoito que possui gotas marrons de chocolate) e até de “monstro”.


“Na escola primária, ninguém queria ser meu amigo. Eu lembro da professora pedir para que duas garotas me acompanhassem durante o recreio e elas sussurraram ‘porque temos que tratá-la como uma princesa?’ Isso quebrou meu coração. Eu disse a elas que não precisavam me seguir e elas foram embora imediatamente. Basicamente, eu era uma garota solitária.”

Em entrevista à uma das maiores revistas de moda e beleza do mundo, à Elle Magazine, Evita contou que superou seu trauma e recuperou a autoconfiança durante um acampamento da igreja quando tinha 16 anos. À partir daí, Evita parou de amaldiçoar suas pintas e a ideia de tirá-las, uma a uma, nunca mais passou pela sua cabeça. “Essa foi, provavelmente, a primeira vez que eu comecei a aceitar quem eu era e como eu me apresentava. ”



A audição para o Miss Universo Malaio aconteceu no dia 17 de junho deste ano. Agora Evita está aguardando ansiosamente para saber se será selecionada para a próxima etapa. De qualquer maneira, ela garante que independente do resultado sua elevada autoestima não pode ser mais abalada e que continuará tentando participar de desfiles e concursos de beleza.

“Estou apenas cruzando os dedos. Se eu não passar, haverá sempre uma outra oportunidade.”



Evita nos ensina que o “feio” e  o “belo” são uma questão de perspectiva e que a força interior é o que realmente conta.

“A beleza não é apenas o que está no exterior; não é alguém com o rosto perfeito ou o corpo perfeito. Beleza é quem você é como pessoa e como você ama a si mesmo. Nunca é sobre perfeição.”

Mas e você, também teve de superar alguma condição ou aspecto físico? Deixe aqui sua opinião e torcida para Evita. E vamos continuar acompanhando a trajetória dessa linda jovem aqui na Fatos Desconhecidos.

Fonte: Fatos Desconhecidos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Favor comentar sem palavras ofensivas.

Publicidade Google

Publicidade Portal das Malas

Portal das Malas

Publicidade Shoptime

Publicidade Submarino

Publicidade recargapay

Publicidade Timecenter

Publicidade Euro

Publicidade Trocafone

Publicidade Motorola

Publicidade Plantei

Publicidade Veloe

Publicidade Shoptime

Lançamentos de Cama, Mesa e Banho com até 50% de Cashback, receba até R$70 reais de volta
Lançamentos de Cama, Mesa e Banho com até 50% de Cashback, receba até R$70 reais de volta

Publicidade JetRadar

Jetradar

Publicidade PagSeguro

PagSeguro BR

Publicidade Sumup