Publicidade Portal das Malas

Portal das Malas

quarta-feira, 28 de fevereiro de 2018

Eleição intercalar em Nampula: MDM apoia partido do qual seu presidente foi expulso e que considera sem democracia interna rígida

Resultado de imagem para eleição em nampula
Internet
O Movimento Democrático de Moçambique (MDM), presidido por Daviz Simango, vai apoiar o candidato da Renamo, Paulo Vahanle, na segunda volta da eleição autárquica intercalar no município de Nampula, a realizar-se no dia 14 de Março prestes a iniciar. A decisão foi tornada pública na terça-feira (27), na chamada capital do norte, pelo delegado político provincial daquele partido, Vasco Napaua.

Na primeira volta, o candidato do MDM, Carlos Saide Chaure, teve apenas 10,10% de votos, dos dos 296.500 eleitores inscritos, enquanto Paulo Vahanle obteve 40,32%.

A partir da capital do maior circulo eleitoral do país, o MDM disse que a “Comissão Política Provincial analisou a situação política e a linha ideológica dos partidos [Frelimo e Renamo]” que vão disputar a segunda volta, tendo concordado que irá suportar a candidatura do partido do qual Daviz Simango é dissidente.

Segundo Vasco Napaua, a direcção do MDM e a comissão acima indicada determinaram “apoiar a candidatura de Paulo Vahanle” e vai orientar os seus membros e simpatizantes a procederem de tal forma.

Vahanle vai disputar a presidência do município de Nampula [em substituição de Mahamudo Amurane, morto a 04 de Outubro de 2017, na sua casa], por apenas sensivelmente sete meses, com Amisse Cololo, que na primeira volta amealhou 44,51% de votos.

Daviz Simango, presidente do Município da Beira, e dissidente da Renamo, sempre considerou este partido com ideias disfuncionais e contrárias às do MDM, que ele próprio fundou e dirige. Contudo, não é de estranhar o suporte que ele dá à formação política da qual foi expulsa, porque, em me parte, considera que Mahamudo Amurane foi vítima dos chamados esquadrões da morte, supostamente sob o comando da Frelimo.

Em 2009, pouco tempo depois de ter sido escorraçado da Renamo, Daviz Simango, concedeu uma entrevista ao SANAVA [20/03/2009], na qual alegava que a falta de qualidade da democracia em Moçambique sentia-se, também, dentro da própria Renamo.

No seu entender, este partido enfrentava uma “falta cultura de diálogo” prosseguia “à deriva”.

Na ocasião, o político não só afirmou que a diferença entre o MDM e a Renamo era a cultura de “uma democracia interna muito rígida”, como ainda disse o seguinte: “enquanto estive lá dentro tentámos [da Perdiz] introduzir dinâmica no partido, valorizar a oportunidade que tínhamos, com políticos e governantes, de elevar o bom-nome da Renamo, infelizmente não fomos compreendidos. Talvez porque as pessoas não entenderam que a política é uma dinâmica”.

Por: A Verdade

Moçambique “está a sair da crise” por isso já podem entrar em vigor novos preços dos transportes de passageiros

A Verdade
E agora que estamos alegadamente a sair da crise em Moçambique, a fazer fé no Governo de Filipe Nyusi e no banco central, é altura dos novos preços dos transportes colectivos urbanos de passageiros negociados e aprovados no ano passado entrarem em vigor na cidade e província de Maputo, a partir da próxima segunda-feira (05).

Na cidade de Maputo as novas tarifas, aprovadas em Setembro de 2017 pela Assembleia Municipal, elevavam de 7 para 10 meticais o preço para distâncias inferiores ou iguais a 10 quilómetros enquanto para distâncias superiores, e inferiores a 20 quilómetros, passa-se a pagar 12 meticais contra os actuais 9 meticais.

Já na província de Maputo os aumentos foram determinados, pelo Governo provincial e a FEMATRO, em função de cada uma das rotas, à saber:

- Município de Boane – Município de Maputo passa de 17,5 meticais para 21 meticais;

- Bairro de Tchumene - Museu passa de 9 meticais para 12,5 meticais;

- Cidade da Matola – Museu passa de 9 meticais para 12,5 meticais;

- Matola-Gare – Museu passa de 9 meticais para 12,5 meticais;

- Bairro de Kobe – Museu passa de 9 meticais para 12,5 meticais;

- Bairro Patrice Lumumba – Museu passa de 9 meticais para 12 meticais;

- Bairro da Liberdade – Museu passa de 9 meticais para 12 meticais;

- Bairro T3- Museu passa de 9 meticais para 12 meticais;

- Bairro de Kongole – Museu passa de 9 meticais para 15 meticais;

- Marracuene – Zimpeto –Costa do Sol – Baixa de passa de 20 meticais para 30 meticais;

- Cidade de Maputo – Ressano Garcia passa de 130 meticais para 150 meticais;

- Cidade de Maputo – Moamba passa de 60 meticais para 70 meticais;

- Salamanga – Município de Boane passa de 110 meticais para 115 meticais;

- Bairro do Xipamanine – Bobole passa de 35 meticais para 40 meticais;

- Praça dos Combatentes – Bobole passa de 35 meticais para 40 meticais;

- Bairro do Zimpeto – Bobole passa de 25 meticais para 30 meticais;

- Cidade de Maputo – Manhiça passa de 70 meticais para 80 meticais;

- Cidade de Maputo – Palmeiras passa de 70 meticais para 90 meticais;

- Cidade de Maputo – 3 de Fevereiro passa de 100 meticais para 110 meticais;

- Cidade de Maputo – Xinavane passa de 130 meticais para 140 meticais;

- Cidade de Maputo – Magude passa de 140 meticais para 150 meticais.

Por: A Verdade

terça-feira, 27 de fevereiro de 2018

Apresentadora dá à luz ao vivo durante programa de rádio nos EUA

Reprodução/instagram
Por: BBC
A apresentadora de um programa matinal de rádio nos Estados Unidos deu à luz ao vivo, durante a atração.

Cassiday Proctor, que apresenta o "Spencer's Neighborhood Show", na estação The Arch, baseada na cidade de St. Louis, permitiu a transmissão da cesariana, a partir do hospital, na terça-feira. É o primeiro filho dela. 

E as contrações haviam começado um dia antes. "Lá vai… ele saiu", ouviram os ouvintes de uma mulher que estava na sala. O choro do bebê veio logo em seguida.

"Foi incrível poder compartilhar o dia mais emocionante da minha vida com nossos ouvintes", disse a apresentadora, acrescentando que a decisão de transmitir o parto foi tomada no calor do momento, já que o bebê nasceu duas semanas antes do previsto.

Vida compartilhada

Dar à luz no ar, segundo Proctor, foi "uma extensão do que já faz todos os dias no programa de rádio, que é compartilhar todos os aspectos de sua vida com a audiência".

Ouvintes mandaram mensagens à apresentadora, como "parabéns, Cassidy, ser mãe é a melhor coisa do mundo. Aproveite cada minuto, porque passa muito rápido".

O bebê nasceu com 3,4 kg e se chama Jameson, nome selecionado pelo público em um concurso realizado em janeiro.

"Doze nomes bobos e outros doze escolhidos pelo casal participaram da disputa. A votação ocorreu até chegarmos ao vencedor", disse o diretor do programa, Scott Roddy, ao jornal The Riverfront Times.

O coapresentador do programa de rádio, Spencer Graves, disse à BBC que o nascimento ao vivo foi um "momento mágico e íntimo".

Agora, a apresentadora deve tirar licença-maternidade para ficar com o bebê.

quinta-feira, 22 de fevereiro de 2018

Billy Graham - Tombou no campo de batalha um guerreiro em 2018

Faleceu o evangelista Billy Graham, aos 99 anos

Resultado de imagem para billy
Foto Internet
O evangelista Billy Graham faleceu aos 99 anos nesta quarta-feira, 21 de fevereiro, em sua casa na cidade de Montreat, Carolina do Norte (EUA). Em seus últimos anos de vida, ele conviveu com a saúde debilitada e a perda parcial da audição.

Billy Graham se dedicou ao ministério evangelístico ao longo das últimas décadas, e se dizia compromissado com a Grande Comissão ordenada por Jesus em Marcos 16:15: “Ide por todo o mundo e pregai o Evangelho a toda criatura”. Durante seu ministério, ele pregou a mais de 215 milhões de pessoas, em 185 países.

Sua dedicação ao evangelismo acompanhou a evolução da tecnologia, e a associação evangelística que carrega seu nome – fundada em 1950 – se valeu do rádio, televisão, filmes, fitas cassete, DVDs e transmissões online para alcançar as pessoas nas cruzadas evangelísticas ao redor do mundo.

De acordo com informações do portal Charisma News, Graham passou a ser mundialmente conhecido a partir de 1949, quando realizou uma cruzada em Los Angeles e durante seu apelo centenas de milhares de pessoas se entregaram a Jesus.

O portal G1 noticiou a morte de Billy Graham destacando que “ele pregou para mais pessoas do que qualquer outro [pregador] na história, atingindo milhões seja pessoalmente, na TV ou por links via satélite”.

Biografia
Nascido em 7 de novembro de 1918, quatro dias antes do armistício que encerrou a Primeira Guerra Mundial, Graham foi criado em uma fazenda de laticínio em Charlotte, Carolina do Norte. Crescendo durante a grande depressão causada pelo crash da Bolsa de Nova York em 1929, ele aprendeu o valor do trabalho árduo na fazenda familiar, mas ele também encontrou tempo para passar muitas horas nos livros de leitura do celeiro sobre uma grande variedade de assuntos.

No outono de 1934, aos 15 anos, Graham fez um compromisso pessoal com Cristo através do ministério de Mordecai Ham, um evangelista itinerante, que visitou Charlotte para uma série de reuniões de avivamento.

Ordenado ao ministério em 1939 por uma igreja ligada à Convenção Batista do Sul (tida como a maior denominação evangélica do mundo em número de membros), Graham recebeu uma base sólida nas Escrituras no Florida Bible Institute (agora Trinity College, na Flórida).

Em 1943, ele se formou no Wheaton College em Illinois e casou-se com a estudante Ruth McCue Bell, filha de um cirurgião missionário, que passou os primeiros 17 anos de sua vida na China.

Depois de se formar na faculdade, Graham criou a Primeira Igreja Batista em Western Springs, Illinois, antes de ingressar na Youth for Christ, uma organização fundada para o ministério para jovens e militares durante a Segunda Guerra Mundial. Ele pregou em todo o território dos Estados Unidos e na Europa na era pós-guerra imediata, emergindo como um evangelista jovem em ascensão.

A Cruzada de Los Angeles, em 1949, lançou Graham como um proeminente pregador internacional. Agendadas inicialmente por três semanas, as reuniões na cidade foram estendidas para mais de oito semanas, com multidões preenchendo fichas de inscrição em uma barraca erguida no centro de eventos a cada noite.

Muitas de suas subsequentes cruzadas iniciais foram igualmente ampliadas, incluindo uma em Londres, que durou 12 semanas e outra na Cidade de Nova York, no Madison Square Garden, em 1957, que funcionou todas as noites durante 16 semanas.

Graham e seu ministério se tornaram conhecidos em todo o mundo. Ele pregava em aldeias africanas remotas e no coração da cidade de Nova York, e aqueles a quem ministrou variam de chefes de estado até os mais simples fazendeiros na Austrália, ou em tribos isoladas da África e do Oriente Médio. Desde 1977, Graham teve a oportunidade de realizar missões de pregação em praticamente todos os países do antigo bloco oriental, incluindo a antiga União Soviética.

Em 2013, Graham teve a visão de proclamar o Evangelho em toda a América do Norte, levando à implementação da Cruzada Minha Esperança com Billy Graham, um evangelismo de base nos Estados Unidos e Canadá, combinando relações pessoais com o poder da mídia moderna.

A estratégia da Cruzada Minha Esperança incentiva os participantes a abordar pessoas que já conhecem e a se engajarem em conversas e conexões significativas como um catalisador para compartilhar a esperança e o amor encontrados em um relacionamento com Jesus Cristo.

Quando completou 95 anos, Graham gravou uma nova mensagem de vídeo para o projeto, que foi disponibilizado para uso em casas em todo o país como uma ferramenta para compartilhar o evangelho. Essa pregação ficou conhecida como “a última mensagem de Billy Graham“.

Graham perdeu sua esposa, Ruth Bell Graham, em junho de 2007, após quase 64 anos de união. Juntos, eles tiveram três filhas, dois filhos, 19 netos e inúmeros bisnetos.

Obra
Billy Graham escreveu 32 livros, muitos dos quais se tornaram os mais vendidos em sua época de lançamento. Sua autobiografia, intitulada Just As I Am, (editada no Brasil como “Billy Graham – Uma Autobiografia) foi lançada em 1997 e conseguiu uma “tripla coroa”, aparecendo simultaneamente nas três melhores listas de best-sellers em uma única semana.

Neste livro, Graham reflete sobre sua vida, incluindo os mais de 70 anos de ministério em todo o mundo. Desde os começos humildes como filho de um fazendeiro leiteiro na Carolina do Norte, ele compartilha como sua fé inquebrável em Cristo formou e moldou sua carreira.

Os trabalhos mais recentes de Graham incluem os livros “The Reason for My Hope: Salvation” (2013), “The Heaven Answer Book” (2012), “Nearing Home” (2011) e “Storm Warning” (2010). “Nearing Home” foi selecionado como o Livro Cristão do Ano de 2012 pela Associação de Editores Cristãos Evangélicos.

De seus outros livros, “Approaching Hoofbeats: The Four Horsemen of the Apocalypse” (1983) foi listado por várias semanas na lista do best-seller do The New York Times; “Como nascer de novo” (1977) teve a maior primeira impressão na história da publicação com 800 mil cópias; “Anjos: agentes secretos de Deus” (1975) vendeu um milhão de cópias dentro de 90 dias; e “The Jesus Generation” (1971) vendeu 200 mil cópias nas duas primeiras semanas.

Pastor dos presidentes
Os conselhos de Graham foram procurados por presidentes dos Estados Unidos em diversas ocasiões, e seu apelo nas arenas seculares e religiosas é evidenciado pela ampla gama de grupos que o honraram, incluindo numerosos doutores honorários de muitas instituições ao redor do mundo.

Os reconhecimentos incluem o Prêmio de Liberdade da Fundação Presidencial Ronald Reagan (2000) por contribuições para a causa da liberdade; Medalha de ouro do Congresso dos EUA (1996); o Prêmio da Fundação Templeton para o progresso na religião (1982); e o Prêmio Big Brother por seu trabalho em prol do bem-estar das crianças (1966).

Em 1964, recebeu o Prêmio do Presidente do Ano e foi citado pelo George Washington Carver Memorial Institute por suas contribuições para as relações raciais. Ele foi reconhecido pela Liga Anti-Difamação do B’nai B’rith em 1969 e pela Conferência Nacional de Cristãos e Judeus em 1971 por seus esforços para promover uma melhor compreensão entre todas as fés.

Em dezembro de 2001, ele recebeu um título honorário honorário, Chefe de cavaleiro honorário da Ordem do Império Britânico (KBE),

Graham é regularmente listado pelo instituto de pesquisas e estudos Gallup como um dos “Dez homens mais admirados do mundo”, e descrito como a figura dominante nessa pesquisa desde 1948 – foi citado 56 vezes na pesquisa, completando 50 anos consecutivos em 2012. Ele também apareceu nas capas de revistas renomadas como Time, Newsweek, Life, U.S. News and World Report, Parade e inúmeras outros veículos, que dedicam espaço à sua carreira como evangelista em artigos.

gospel+

sábado, 17 de fevereiro de 2018

TUDO SOBRE O CARNAVAL 2018

Resultado de imagem para g1 carnaval
Globo.com

Acesse pelo link abaixo e saiba tudo sobre o Carnaval 2018

Beija-Flor é a campeã do carnaval 2018 do Rio


Com críticas ao "Brasil monstruoso", escola falou de corrupção e intolerância e levou seu 14º título.

Este é o 14º título da Beija-Flor de Nilópolis (Foto: Alexandre Durão/G1)
Este é o 14º título da Beija-Flor de Nilópolis (Foto: Alexandre Durão/G1)


https://g1.globo.com/rj/rio-de-janeiro/carnaval/2018/noticia/escola-de-nilopolis-fez-criticas-a-corrupcao-desigualdade-a-violencia-e-intolerancias.ghtml

Pabllo Vittar foi destaque de carro da Beija-Flor que tratava de intolerância (Foto: Alexandre Durão/G1)
Pabllo Vittar foi destaque de carro da Beija-Flor que tratava de intolerância (Foto: Alexandre Durão/G1)

GLOBO


Em Marabá, corpo é encontrado por moradores no Rio Tocantins

Reprodução/Redes sociais
Vítima estava desparecida há três dias e foi vista pela última vez vagando com uma garrafa de bebida nas mãos.

No final da manhã desta sexta-feira (16), moradores da Folha 06 em Marabá, sudeste paraense, encontraram um corpo boiando no Rio Tocantins. Apenas após a chegada da Polícia Militar que a vítima foi identificada: Clóvis Ferreira da Silva, de 35 anos, estava desparecido há três dias e foi localizado hoje, porém, já sem vida.

Segundo subtenente J. Rodrigues, do 4º Batalhão da Polícia Militar (BPM), o corpo foi localizado por moradores de uma comunidade indígena por volta de 11h30. Às 11h50, a PM já estava no local de difícil acesso, em uma área de mata às margens do Tocantins. 

O Instituto Médico Legal (IML) foi acionado e constatou que Clóvis foi vítima de afogamento. A conclusão foi tomada devido à ausência de lesões ou ferimentos no corpo do homem, além de outros indícios de morte por falta de oxigênio. A família de Clóvis esteve no local e identificou o corpo.

O homem foi visto pela última vez há três dias, caminhando na região com uma garrafa de cachaça nas mãos. A Polícia, o IML e a família acreditam que ele tenha sido vítima da embriaguez aliada à imprudência em nadar sozinho no rio caudaloso. O caso foi registrado na Delegacia de Polícia Civil do Município.

Por: Portal ORM

Golpe no WhatsApp usa promoção de O Boticário como isca

Tainah Tavares / TechTudo
Mais de 140 mil usuários foram enganados com golpe que promete amostra grátis.

Uma promoção da marca O Boticário foi usada por criminosos para disseminar um golpe no WhatsApp. Somente nas últimas 24 horas, mais de 140 mil pessoas foram enganadas, de acordo com análise divulgada nesta sexta-feira (16) pela empresa de segurança PSafe, desenvolvedora do antivírus DFNDR Security.

A armadilha repete características de uma promoção oficial realizada pela empresa de cosméticos, de modo a convencer as vítimas a receber futuras notificações no smartphone. A ação pode servir como porta de entrada para futuros ataques.

Uma característica peculiar do golpe é o uso de uma página cujo endereço começa com https://, que em tese adicionaria maior segurança ao site acessado. De acordo com a PSafe, ao visitá-lo, a vítima é convidada a responder três perguntas: “Você já fez compras na O Boticário este ano?”, “Já usou o nosso site para efetuar compras?” e “Recomendaria O Boticário a um amigo ou membro da família?”. Em seguida, a página solicita que o usuário compartilhe a falsa promoção com amigos.

Emilio Simoni, diretor do laboratório de segurança DFNDR Lab, explica a “inovação” do golpe: “No passado era muito mais complicado ter um site com https. Por esse motivo, as pessoas passaram a associá-lo, de maneira equivocada, a sites confiáveis. Na realidade, o https indica que a conexão entre o usuário e o site é segura, mas não que o site em si é verdadeiro. Portanto, esse não pode ser considerado um parâmetro em que o usuário possa confiar.”

O especialista recomenda a instalação de um aplicativo de defesa digital com bloqueio de phishing (entenda como esta ameaça funciona). “Também é necessário desconfiar de promoções exageradas e se certificar de sua veracidade diretamente no site oficial da empresa atrelada”, diz.

Até o presente momento não há registro de roubo de dados ou instalação de vírus no telefone. Ao aceitar as notificações, no entanto, o usuário poderá receber futuramente indicações de páginas que contenham estas formas de contaminação.

Esta não é a primeira vez que a empresa de cosméticos é usada como isca. O WhatsApp é o principal meio de disseminação de golpes como este devido à enorme popularidade entre os brasileiros.

O Boticário foi procurado pelo TechTudo. Esta reportagem será atualizada caso a empresa se manifeste.

Por: TechTudo

Rio: intervenção terá tanques nas ruas, bloqueio de vias e varredura em presídios

Resultado de imagem para intervenção militar
Foto Internet

Ministro afirma que todo o efetivo do Comando Militar do Leste no Rio, com até 30 mil militares, estará à disposição.

O ministro da Defesa, Raul Jungmann, disse que todo o efetivo do Comando Militar Leste no Rio, entre 25 mil e 30 mil militares, estará à disposição durante o processo de intervenção federal no estado. Além disso, as operações poderão contar com reforço de militares de outros estados, como São Paulo. Segundo o ministro, ainda não há um número fechado de homens que serão destacados para a missão porque isso dependerá do plano de ação a ser executado, como por exemplo, o cálculo do quantitativo de militares necessários nas ruas.

Jungmann disse que com a intervenção, além de policiamento ostensivo, haverá presença de tanques em algumas ruas, bloqueio de vias e varreduras em presídios. Mas a tendência, destacou, é fazer ações planejadas e "cirúrgicas", com base no serviço de inteligência, comandado pelas Forças Armadas.

— Este é o grande salto — afirmou o ministro, acrescentando que as Forças ficaram assumirão o controle da Secretaria de Segurança Pública, dos presídios, das polícias civil, militar e bombeiros no Estado.

Ele disse que o interventor, general Walter Souza Braga Netto, terá plenos poderes para governar o Estado na área de segurança. Ele poderá admitir e afastar policiais, explicou o ministro, fazer mudanças nos postos estratégicos da estrutura da segurança estadual. Na prática, o controle da segurança sairá das mãos do Estado e passará às Forças Armadas.

Segundo o ministro, a intervenção no Estado já vinha sendo cogitada pelo governo federal há algum tempo. Ele citou a intenção do governo federal em substituir comando da Secretaria de Segurança por um general da reserva. A decisão foi tomada agora diante da necessidade de mudanças mais profundas na estrutura, o que demandaria também mais poderes do interventor. Neste caso, a chamada GLO (Garantia da Lei e da Ordem), seria limitada.

O ministro disse também que o presidente Michel Temer prometeu liberar todos os recursos financeiros necessários aos trabalhos das Forças Armadas, durante a intervenção. Os montantes também não estão fechados e dependerão do plano.

Ao ser indagado sobre a situação de outros estados que também enfrentam crise na segurança, Jungmann respondeu que o governo não pretende ampliar a intervenção para outros entes da federação.

— Não existe essa possibilidade.

Por O Globo

sexta-feira, 9 de fevereiro de 2018

Brasileiro é condenado nos EUA por esquema de pirâmide financeira

Cleber Rene Rizerio Rocha durante interrogatório após ser preso por lavagem de dinheiro em Boston, nos Estados Unidos – 04/01/2017
Um brasileiro foi condenado a quase três anos de prisão nos Estados Unidospor tentar lavar dinheiro ligado a um esquema de pirâmide financeira conhecido como TelexFree.


Cleber Rene Rizerio Rocha, 28, confessou seus crimes e ajudou as autoridades americanas na investigação do caso. Com uma das pistas que forneceu durante os interrogatórios, a polícia descobriu 17 milhões de dólares escondidos em um colchão por um dos donos da empresa para qual o brasileiro trabalhava.

Promotores federais em Boston disseram que Rocha viajou aos Estados Unidos em várias ocasiões para ajudar a recuperar dinheiro que um cofundador da TelexFree, empresa responsável por lavar milhões de dólares ilegalmente no país, deixou para trás quando fugiu do país.

Rocha foi preso em janeiro de 2017 e se declarou culpado pelos crimes de conspiração e lavagem de dinheiro em uma audiência em janeiro deste ano. Raymond Sayeg, advogado que representa o brasileiro, argumentou que ele não deveria cumprir mais do que os 13 meses que ele já cumpriu desde sua prisão.

Contudo, o promotor responsável pelo caso, Andrew Lelling, disse que Rocha desempenhou papel-chave em atividade ilícita ao atuar como mensageiro e custodiante de dinheiro de um esquema de pirâmide que o cofundador da TelexFree Carlos Wanzeler escondeu. “O senhor Rocha não é um cordeiro inocente”, disse Lelling.

O juiz Leo Sorokin, ao impor uma sentença de 33 meses de prisão, deu crédito a Rocha por ter colaborado com as autoridades ao menos inicialmente, ao ajudá-las a localizar o apartamento em Westborough, no Estado de Massachusetts, onde os 17 milhões de dólares foram encontrados.

O caso

Segundo os promotores, a TelexFree, uma empresa de venda de telefones pela internet, fazia pouco ou nenhum dinheiro vendendo seus serviços, mas recebeu milhões de dólares de milhares de pessoas que pagavam para se cadastrar para ser “promotores” e publicar anúncios online para a companhia.

Sediada em Massachusetts, a TelexFree faliu em 2014, provocando 3 bilhões de dólares em perdas para quase 1,89 milhão de pessoas em todo o mundo, disseram promotores.

James Merrill, outro cofundador da TelexFree, foi preso em maio de 2014 e sentenciado a 6 anos de prisão em março de 2017, depois de se declarar culpado das acusações de fraude e conspiração.

Wanzeler, que é cidadão brasileiro, fugiu para o Brasil em 2014 e não pode ser extraditado. Ele deixou para trás dezenas de milhões de dólares que lavou de contas da TelexFree, disseram os promotores.

Por Veja.com



quarta-feira, 7 de fevereiro de 2018

Nº de mortos após terremoto em Taiwan sobe para 5; dezenas estão desaparecidos

Edifício ‘condenado’ após terremoto atingir Taiwan (Foto: Reuters)
Edifício ‘condenado’ após terremoto atingir Taiwan (Foto: Reuters)

Terremoto de magnitude 6,4 atingiu a ilha na noite de terça-feira. População passou a noite acordada com medo de réplicas.

s autoridades informaram nesta quarta-feira (7) que subiu para cinco o número de mortos no terremoto de magnitude 6,4 que atingiu Taiwan na noite de terça-feira (no horário local). Equipes de resgate trabalham para localizar ao menos 60 desaparecidos.

Por enquanto, as equipes de emergência resgataram mais de 240 pessoas que estavam presas nos edifícios mais danificados da cidade de Hua-lien, entre eles, Yunmencuidi e o Hotel Tongshuai (Marshall). Foram mobilizados nas buscas 750 bombeiros e 600 militares.

O prefeito de Hualien, Fu Kun-chi, disse que a quantidade de pessoas desaparecidas é próxima de 60, mas um número exato não foi divulgado. Inicialmente, estimava-se que até 150 pessoas poderiam estar desaparecidas, segundo a Reuters.

Equipes de resgate trabalham sem parar em busca de sobreviventes de terremoto, em Taiwan
As áreas mais afetadas estão perto da cidade de Hua-lien, mas o forte tremor foi sentido em toda a ilha e provocou pânico entre a população, que passou a noite acordada com medo de réplicas de maior magnitude.

Câmera de segurança mostra interior de loja durante terremoto em Taiwan

Nesta madrugada, Chen Ming-hui, de 50 anos, que trabalha no hotel Tongshuai, foi resgatado após conseguir entrar em contato através de um telefone celular com as equipes de resgate e informar seu paradeiro. "Estava pronto para sair do meu trabalho quando começou o terremoto", contou. Um segundo funcionário do estabelecimento também conseguiu se comunicar com os socorristas.

Equipes de emergência bloqueiam rua onde um edifício pode ruir a qualquer momento em Hualien, no leste de Taiwan (Foto: Paul Yang / AFP Photo) Equipes de emergência bloqueiam rua onde um edifício pode ruir a qualquer momento em Hualien, no leste de Taiwan (Foto: Paul Yang / AFP Photo)
Equipes de emergência bloqueiam rua onde um edifício pode ruir a qualquer momento em Hualien, no leste de Taiwan (Foto: Paul Yang / AFP Photo)
Equipes de emergência bloqueiam rua onde um edifício pode ruir a qualquer momento em Hualien, no leste de Taiwan (Foto: Paul Yang / AFP Photo)

O Centro de Resposta a Emergências de Taiwan informou que as 145 pessoas desaparecidas, a maioria delas está no edifício residencial e comercial de Yunmencuidi.

Cerca de 830 pessoas tiveram que abandonar suas casas por conta do tremor e 643 delas estão em abrigos provisórios.

Tremor
O terremoto ocorreu às 23h50 (horário local, 13h50 de terça, 6, em Brasília) e teve o seu epicentro a 18,3 km da cidade de Hua-lien, que fica perto da tradicional destinação turística de Taroko Gorge. O tremor teve várias réplicas.

De acordo com o Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS), que monitora esse tipo de atividade, o tremor foi registrado a 9 km da superfície. De acordo com a CNN, quatro edifícios ficaram inclinados ou desmoronaram.

O forte tremor atingiu dois hospitais e o Hotel Meilun, causou rachaduras em centenas de edifícios e danificou diversas infraestruturas da ilha.

Horas após o forte tremor, Taiwan tenta voltar pouco a pouco à normalidade e trabalha para reparar infraestruturas e também restaurar os serviços e comunicações.

Ainda há partes da ferrovia sem serviço, oito áreas com encanamentos subterrâneos de gás quebrados e milhares de lares sem fornecimento de água.

A presidente Tsai Ing-wen visitou os hospitais onde estão os feridos e os pontos onde estão trabalhando as equipes de emergência, e avisou em que "seguirão trabalhando para que não deixem de resgatar nenhuma pessoa".

Ciclo Sísmico
Nos últimos três dias se registraram mais de 20 tremores diários e o sismólogo Lee Chyi-tyi, da Universidade Central, assegurou na segunda (5) que a ilha entrou em um ciclo sísmico de 100 anos.

No século 20 ocorreram dois terremotos em Taiwan de 8 graus de magnitude, um em 1910 em frente à costa de Yilan, e o outro em 1920 no litoral de Hua-lien, os dois ao leste da ilha.

Alguns sismólogos em Taiwan consideram provável que ocorram terremotos de magnitude 8 ao redor da Fossa Ryukyu, que se encontra de 500 a 600 quilômetros de Hua-lien, dentro dos próximos 10 anos.

Por G1

Pesquisador defende transformar devastação do mar Morto em oportunidade turística

Os poços são resultado da escassez de água  (Foto: BBC)
Os poços são resultado da escassez de água (Foto: BBC)
Crateras chegam a ter 100 metros de diâmetro e expõem sal que ficava abrigado pela água em extinção.

retração do Mar Morto é um fato. Cientistas constataram que o desaparecimento tem ocorrido a um vertiginoso ritmo de um metro por ano.

E, à medida em que o mar retrocede, enormes crateras ficam como registro dessa devastação.

Hoje, há um total de 6,5 mil crateras em áreas que uma vez foram parte do mar Morto.

Por que as crateras se formam?
Os poços são resultado da escassez de água, motivada em grande parte porque os afluentes naturais do mar Morto estão sendo desviados para fins agrícolas e para a obtenção de água potável, necessária para uma população crescente em Israel.

Alguns dos poços chegaram a danificar importantes estradas que circundam o Mar Morto  (Foto: BBC)
Alguns dos poços chegaram a danificar importantes estradas que circundam o Mar Morto (Foto: BBC)
Outro motivo para a degradação, segundo o governo israelense, tem a ver com a mineração na região.

Algumas organizações ambientalistas atribuem a situação a uma gestão hídrica falha no Oriente Médio, onde a instabilidade política impede o consenso para acordos internacionais que possam frear o retrocesso do mar Morto.

Quando a água se esvai, uma grande camada de sal, que por milhares de anos ficou protegida, acaba sendo exposta.

Calcula-se que existam mais de 6 mil crateras em zonas antes cobertas pelo mar Morto  (Foto: BBC)
Calcula-se que existam mais de 6 mil crateras em zonas antes cobertas pelo mar Morto (Foto: BBC)
E, quando o sal se dissolve, o solo pode colapsar sem aviso prévio, gerando as enormes crateras, com até 100 metros de diâmetro e 50 de profundidade.

Lado positivo
Uma equipe da BBC visitou a área e conversou com um pesquisador que estuda esses poços há 17 anos.

Apesar do cenário de devastação, Eli Raz acredita que a situação pode levar a ensinamentos positivos. Ele tem levado grupos para visitações ao local.

"Isso (a crise hídrica) deve servir para que as pessoas conheçam a crise do mar Morto, para que entendam o que está acontecendo", argumenta.

Raz também acredita que a região possa se beneficiar do interesse de turistas pela incomum paisagem resultante desse fenômeno.

Pesquisador aponta para o potencial turístico dos poços do Mar Morto  (Foto: BBC)
Pesquisador aponta para o potencial turístico dos poços do Mar Morto (Foto: BBC)
"As pessoas que vêm aqui ficam impressionadas com o cenário. É tão lindo", defende.

Atualmente, no entanto, apesar da multiplicação dos poços ao redor do mar Morto, nenhum deles oferece uma estrutura oficial com acesso seguro para visitantes.

Para Raz, disponibilizar uma forma segura de chegar a esses locais seria uma maneira de mostrar ao mundo o que está acontecendo e, além disso, reativar o turismo na região.

Por enquanto, porém, a região só tem colhido os revezes turísticos da tragédia ambiental: nos últimos anos, duas das mais turísticas praias na região e o resort Mineral Beach foram fechados por culpa da retração do mar.

Por BBC

quinta-feira, 1 de fevereiro de 2018

Condenado à prisão perpétua tem acusação retirada e é libertado após 38 anos

Matthew Hinton /The Advocate via AP

MUNDO - Juíza concordou que Malcolm Alexander teve defesa ineficaz e DNA ajudou a provar que ele não era culpado por estupro.


Um homem preso no estado da Louisiana há quase quatro décadas e condenado à prisão perpétua foi libertado na terça-feira (30), depois que sua condenação por um estupro em 1979 foi cancelada e procuradores concordaram em retirar a acusação.

Malcolm Alexander, de 58 anos, sentou-se silenciosamente e sorriu largamente enquanto amigos e parentes aplaudiram e choraram quando a juíza June Darensburg ordenou sua libertação. Aproximadamente duas horas depois, ele deixou a cadeia de Jefferson Parish, no subúrbio de Gretna, em Nova Orleans.

Advogados de defesa argumentaram que o advogado do primeiro julgamento de Alexander falhou ao não destacar que a vítima tinha tido dúvidas quando o reconheceu como o homem que a atacou em 1979. Darensburg cancelou a condenação baseada no argumento de defesa ineficaz.



Evidências de DNA – que se julgavam perdida, mas foi descobertas em 2013, quando Alexander continuava insistindo em sua inocência – também desempenharam um papel na reversão, segundo advogados do projeto nova-iorquino Innocence Project que lidaram com o caso.

As evidências consistiam em pelos pubianos recolhidos na cena do crime, um banheiro na loja da vítima. Testes de DNA mostraram que os pelos combinavam, mas não pertenciam à vítima ou a Alexander, reforçando o argumento de que ele não era o agressor, disseram os defensores.

O diretor do Innocence Project, Barry Scheck, disse que a cooperação do escritório do xerife de Jefferson Parish e da Promotoria do Distrito de Jefferson Parish foram a chave para conquistar a liberdade de Alexander.

“Agradeço a todos vocês do fundo do meu coração”, disse a mãe dele, Maudra Alexander, de 82 anos, soluçando em sua cadeira de rodas, a um grupo de advogados do Innocence Project e outros quando a corte entrou em recesso.

“Rezei a minha vida inteira por isso”, disse o filho de Alexander, Malcolm Stewart. Ele e outros familiares estavam separados de Alexander – ainda algemado e vestindo um uniforme laranja da prisão – por uma grade na corte, mas puderam falar com ele, e pedir informações como o tamanho dos sapatos e roupas que ele precisaria ao ser libertado.

O promotor Paul Connick mais tarde divulgou um comunicado no qual dizia que concordava que Alexander deveria ser libertado. “Após uma extensa investigação durante os últimos dois anos e meio, concordei com os advogados de pós-condenação do Sr. Alexander que o advogado de defesa durante seu julgamento de um dia ocorrido há 37 anos forneceu uma representação ineficaz em violação dos seus direitos constitucionais", dizia Connick no documento.

Por G1

Quer ir para o Rainha das Rainhas 2018? Saiba como?

Reprodução
O Portal ORM está sorteando ingressos para o maior evento carnavalesco de Belém. Participe!

O concurso de beleza e fantasia mais famoso da Região Norte está chegando! O Rainha das Rainhas, que este ano completa 72 anos de tradição, vem com todo o brilho e glamour, misturado com a leveza e garra das 22 candidatas, representantes dos clubes paraenses.
A apresentação será no dia 02 de fevereiro, no Hangar, e promete reunir familiares, amigos e o público em geral na torcida pelas candidatas. O evento é um dos mais fortes neste carnaval, em Belém.
E para que você não fique de fora, o Portal ORM está sorteando um par de ingressos pra você conferir de pertinho todo o luxo das fantasias, trilhas sonoras e coreografias. Para participar é simples: cadastre-se no link e mande uma foto bem criativa, usando todo o seu lado carnavalesco para vocenorainhas@gmail.com, e boa sorte!

Confira a lista das candidatas ao #RR2018:

Clube de Engenharia - Harianne Azeredo
Bancrévea - Paloma Corrêa
ASEEL - Ala Ana Reis
ASUBSSAR - Izaura Lavor
Casota - Laís Vieira
Guará Acqua Park - Kylvia Ribeiro
ASALP - Leny Oliveira
Cabana Clube - Samya Figueiredo
Cassazum - Brenda Reis
AEAPA - Paula Veloso
COCB - Thays Syntya
ASBEP - Núria Juelma
COPM - Bettina Almeida
Remo - Eduarda Moraes
Tênia Clube - Thatiana Esteves
CEPE - Jamyli Borges
Paysandu - Paula Lorena
Astesemp - Kauanne Dias
Assembléia Paraense - Ana Carolina Santalices
Grêmio - A apresentar
Tuna - A apresentar
Clube dos Advogados - A apresentar



Confira:


Por ORM

Publicidade Google

Publicidade Portal das Malas

Portal das Malas

Publicidade Estrela 10

Publicidade Shoptime

Publicidade Submarino

Publicidade recargapay

Publicidade Timecenter

Publicidade Americanas.com

Publicidade Euro

Publicidade Trocafone

Publicidade Motorola

Publicidade Plantei

Publicidade Veloe

NOTÍCIAS MAIS VISTAS NO ANO