NOTÍCIAS MAIS VISTAS NO ANO

sexta-feira, 29 de junho de 2018

Procissão de São Pedro: Evento comemorativo ao dia de São Pedro em Marudá-PA

Veja em fotos as comemorações por homenagem ao dia de São Pedro em Marudá-PA.


Fotos Carlinhos

Militares e mergulhadores estrangeiros ajudam em tentativa de resgate na Tailândia

Equipes de resgate na entrada da caverna Tham Luang no parque natural Khun Nam Nang Non, em Chiang Rai, norte da Tailândia em 27 de junho de 2018
Equipes de resgate na entrada da caverna Tham Luang no parque natural Khun Nam Nang Non, em Chiang Rai, norte da Tailândia em 27 de junho de 2018

Militares americanos e mergulhadores britânicos participam nas operações de busca de 12 crianças e adolescentes e seu treinador de futebol, que estão presos em uma caverna inundada do norte da Tailândia há cinco dias.

As chuva de monção na província de Chiang Rai aumentam o nível da água na caverna, o que obrigou os mergulhadores a interromper os trabalhos.

Soldados americanos foram enviados ao local para ajudar os socorristas locais, informou Bangcoc.

"Vamos avaliar com as autoridades tailandesas as possíveis ações", disse Jillian Bonnardeaux, porta-voz da embaixada dos Estados Unidos.

"São especialistas em mergulho e resgate no mar", disse uma fonte militar tailandesa.

As 12 crianças e adolescentes, com idades entre 11 e 16 anos, e seu treinador de 25 entraram na caverna de Tham Luang, perto da fronteira com Mianmar e Laos, no sábado após um treino. Mas a chuva bloqueou a entrada principal da rede subterrânea complexa, que tem vários quilômetros de comprimento.

As famílias não escondem a inquietação, já que acreditavam em um trabalho rápido após a instalação de bombas para retirar a água.

Na entrada da caverna, um cartaz avisa aos visitantes que não devem visitar o local durante a temporada de chuvas, entre julho e novembro.

"Os mergulhadores estão dispostos a retornar quando o nível da água abaixar para um nível aceitável", anunciou a Marinha tailandesa no Facebook.

De modo paralelo, guardas de fronteira e policiais, com o o auxílio de cães farejadores, rastreavam a montanha em busca de possíveis poços naturais que permitam um acesso vertical à caverna.

Os parentes apresentaram roupas das vítimas para ajudar os cães farejadores.

As autoridades também pretendem utilizar drones nas galerias caso as condições meteorológicas permitam.

Os primeiros dias de buscas não permitiram encontrar o menor rastro do grupo. As autoridades acreditam que eles podem ter encontrado refúgio em um ponto mais distante da caverna para evitar o aumento do nível da água.

O primeiro alerta veio de uma das mães, quando seu filho não retornou para casa de seu treinamento no sábado à noite. As equipes de emergência encontraram bicicletas, chuteiras e mochilas na entrada da caverna algumas horas depois.

O treinador, Ekkapol Janthawong, e os menores de idade conheciam bem o lugar, segundo as autoridades tailandesas. Os espeleólogos apreciam o local por sua complexa rede de túneis.

Na página do Facebook de Ekkapol Janthawong há fotos do treinador com os jovens atletas diante da caverna em 2016.

AFP

Repressão policial deu origem ao Dia do Orgulho Gay



orgulhogay: Paradas gays em todo o mundo marcam movimento contra a homofobia
© Divulgação Paradas gays em todo o mundo marcam movimento contra a homofobia
O Dia do Orgulho LGBTI (lésbicas, gays, bissexuais, travestis, transexuais e pessoas intersex) é celebrado mundialmente no dia 28 de junho. Atualmente, junho é um mês dedicado às manifestações em defesa do orgulho e direitos LGBT,mas nem sempre foi assim. A repressão policial marcava as manifestações dessas comunidades e foi justamente um desses episódios que deu origem à data.

Em 1969, um grupo de gays, lésbicas e trans estava reunido no bar Stonewall Inn, em Nova York, quando foram surpreendidos por uma batida policial para prender clientes por “conduto imoral”. Essas ações eram comuns em ambientes frequentados por esse público com o objetivo de coagir a comunidade LGBTI.

Naquela madrugada, porém, os frequentadores do bar resolveram reagir e contaram com o apoio de simpatizantes. Uma multidão se concentrou fora do local em favor da Rebelião de Stonewall. A mobilização contra a perseguição policial LGBTI durou mais duas noites.

Depois deste acontecimento foram organizados vários protestos em favor dos direitos dos homossexuais por várias cidades americanas e, no ano seguinte, foi organizada a primeira parada do orgulho LGBTI, realizada no dia 1° de julho de 1970, para lembrar o episódio.

De lá para cá, várias mobilizações ocorrem em todo o mundo como forma de celebrar a data e conscientizar a população sobre o combate à homofobia.

No Brasil, o primeiro ato ocorreu em 1995 no Rio de Janeiro durante a 17ª Conferência da Associação Internacional de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Trans e Intersex, que terminou com uma pequena marcha em Copacabana. No ano seguinte, aconteceu uma pequena manifestação em São Paulo, que reuniu cerca de 500 pessoas na praça Roosevelt. E só em 1997 foi realizada a primeira Parada Gay na Avenida Paulista.

Veja.com

Bactérias podem ser a chave para a colonização de Marte

Marte
© Fornecido por Unilogic Media Group Ltda Marte

Embora a colonização de Marte ainda seja algo que se encaixe mais como tema de ficção científica do que um projeto palpável à nossa realidade atual, esse assunto está cada vez mais presente em nosso cotidiano, a exemplo dos planos de Elon Musk para enviar missões espaciais no planeta vermelho até 2025, enquanto a NASA também pretende levar a humanidade a Marte nas próximas décadas.

Uma das ideias que vem sendo amplamente discutidas entre cientistas é a utilização de cianobactérias, que são capazes de realizar o processo de fotossíntese, para transformar os gases nocivos de Marte, como o dióxido de carbono, em uma atmosfera com alta densidade de oxigênio.

Tais bactérias são as mesmas que foram fundalmentalmente responsáveis pelo desenvolvimento das primeiras formas de vida na Terra e podem ser encontradas na natureza em ambientes com condições climáticas muito desfavoráveis à vida.

Conforme observam os cientistas, as cianobactérias são um dos poucos microrganismos capazes de sobreviver em condições extremas e em ambientes com pouca luminosidade, sintetizando o próprio alimento por meio do processo de fotossíntese, o que faz dela um elemento interessante para a terraformação de Marte.

No entanto, os principais obstáculos para isso estariam em contornar as principais vulnerabilidades das cianobactérias, pois os micróbios são extremamente sensíveis à exposição a raios ultravioleta e necessitam de um ambiente com água em estado líquido e em uma superfície sem substâncias oxidantes.

Embora as pesquisas ainda estejam ainda em fase inicial, os cientistas acreditam que o método de terraformação envolvendo o uso de cianobactérias é a proposta mais sólida no momento para que a colonização de Marte se torne uma realidade no futuro.

Fonte: Mashable

Sudão reverte condenação à morte de mulher que matou o marido

Noura Hussein, que havia sido condenada à morte por matar o marido enquanto ele tentava estuprá-la
© Divulgação Noura Hussein, que havia sido condenada à morte por matar o marido enquanto ele tentava estuprá-la

Um tribunal do Sudão revogou nesta terça-feira (27) a sentença de morte contra uma jovem condenada por matar seu marido em legítima defesa enquanto ele tentava estuprá-la. Agora, ela cumprirá uma pena de cinco anos de prisão.

Noura Hussein, de 19 anos, foi condenada à morte em 10 de maio de 2017 por um tribunal de Omdurman, depois que a família de seu marido se recusou a aceitar uma indenização em dinheiro, segundo a imprensa sudanesa.

No entanto, hoje, um tribunal de apelação em Khartoum decidiu reverter a condenação e ordenou que a sentença de cinco anos passasse a contar a partir da data de prisão da jovem, em 3 de maio do ano passado. Ainda assim, ela também teve de pagar 337.500 libras sudanesas (aproximadamente 70.000 reais) aos parentes de seu marido.

A decisão vem depois de uma campanha internacional realizada por ativistas sudaneses para chamar a atenção para os direitos das mulheres e pedir a abolição da sentença de morte no país.

A Anistia Internacional recebeu com satisfação a anulação da sentença de morte e pediu uma revisão legal no código penal islâmico de acordo com os padrões internacionais de direitos humanos.

“As autoridades sudanesas devem aproveitar esta oportunidade para começar a reformar as leis sobre casamento infantil, casamento forçado e estupro marital para que as vítimas não sejam penalizadas”, disse Seif Magango, vice-diretor regional da Anistia Internacional para a África Oriental, segundo o jornal local Sudan Tribune.

Noura casou-se contra sua vontade há três anos, quando tinha 16 anos, mas a cerimônia só aconteceu ano passado, em abril. Ela relatou que os irmãos do marido e um primo ajudaram a estuprá-la pela primeira vez.

Ativistas sudaneses pedem para que a idade mínima para o casamento seja elevada para 18 anos. A lei atual permite o casamento de crianças maiores de 10 anos.

Veja.com

terça-feira, 26 de junho de 2018

A lucrativa indústria da detenção de imigrantes nos EUA

Imigrantes detidos em centro privado: 65% dos centros de detenção de imigrantes estão nas mãos de empresas privadas
© Getty Images 65% dos centros de detenção de imigrantes estão nas mãos de empresas privadas

Enquanto a opinião pública reagia à separação de milhares de crianças migrantes de seus pais após cruzarem a fronteira dos EUA, as organizações que gerenciam os centros de detenção migratória viam seus negócios expandirem.

Só em 2017, o Serviço de Imigração e Controle Alfandegário (ICE na sigla em inglês) destinou quase US$ 3 bilhões (mais de R$ 10 bilhões) para custear o sistema de detenção de estrangeiros, que abriga os migrantes cujos casos estão sob análise da Justiça ou cuja deportação foi decidida.

E a maior parte desses centros de detenção são administrados pela iniciativa privada, em uma amostra da multimilionária indústria que cresceu junto com o controle migratório.

"Cerca de 65% dos leitos de que o governo federal dispõe para abrigar imigrantes estão nas mãos de empresas privadas. E essa cifra está crescendo com a atual crise migratória", relata Bianca Tylek, diretora do Projeto de Transparência de Centros de Detenção, sediado em Nova York.

"Em fevereiro de 2017, um alto funcionário do Departamento de Segurança Nacional (DHS em inglês) anunciou que aumentaria o número de leitos disponíveis para o ICE de 3,5 mil a 20 mil, um aumento de 500%", agrega Tylek, em entrevista à BBC News Mundo.

Paradoxalmente, a recente decisão de Trump de pôr fim à separação das crianças de seus pais pode fazer com que o volume de negócios dessas empresas aumente, em vez de diminuir.

Auge

Geo Group é uma das principais administradoras de centros de detenção privados do país

Geo Group é uma das principais administradoras de centros de detenção privados do país
© Getty Images Geo Group é uma das principais administradoras de centros de detenção privados do país

Em abril passado, uma das principais gestoras de presídios e centros correcionais do mundo, a Geo Group, foi questionada a respeito de seus negócios em uma teleconferência com investidores. O diálogo foi reproduzido na internet e pela emissora de rádio NPR.

"Houve um aumento constante nas travessias ilegais de fronteira, que acho que é igual ao aumento continuado no número de pessoas em nossos centros (de detenção de imigrantes). E esperamos que isso continue aumentando nossa taxa de ocupação e ofereça oportunidades para novos contratos de centros", respondeu o executivo da empresa.

"Os centros de detenção de imigrantes são uma peça central do modelo de negócios das empresas como a CoreCivic e o GeoGroup, que se dedicam a administrar presídios privados", diz Tylek.

Protesto contra o Geo Group em 2015; críticos dizem que endurecimento à imigração tem ajudado o crescimento de empresas

Protesto contra o Geo Group em 2015; críticos dizem que endurecimento à imigração tem ajudado o crescimento de empresas
© Getty Images Protesto contra o Geo Group em 2015; críticos dizem que endurecimento à imigração tem ajudado o crescimento de empresas

Ela acrescenta que a CoreCivic reportou em 2017 que 25% de suas receitas vieram de contratos com o ICE , que totalizam US$ 444 milhões. No caso do Geo Group, os contatos com o ICE representam 19% de suas receitas, de US$ 429 milhões.

Tylek destaca que essas duas empresas são as líderes de um mercado que inclui mais uma dezena de empresas concorrentes nos EUA.

Entre setembro de 2016 e janeiro de 2017, o valor de suas ações negociadas em bolsa cresceu de forma notável, em antecipação à chegada de Donald Trump à Presidência americana, uma vez que o discurso de endurecimento das regras migratórias já sinalizava, ainda na fase de campanha, que essas empresas teriam oportunidades de crescimento.

Em janeiro de 2017, o Geo Group assinou um acordo com o ICE para gerenciar um centro de imigrantes com 780 leitos no Estado da Geórgia e, dois meses mais tarde, anunciou um novo contrato de dez anos, para um centro de detenção no Texas com capacidade para mil pessoas.

Mudança de política
Tylek cita um relatório de junho de 2017 do Geo Group afirmando a seus investidores que aguardava uma ordem executiva da Casa Branca pondo fim à chamada política de "detenção e liberação" ("catch and release" em inglês) aplicada pelos governos anteriores, na qual os imigrantes eram processados e deixados em liberdade enquanto aguardavam seu julgamento.

De fato, Trump anunciou em 6 de abril uma política de "tolerância zero", passando a processar criminalmente o maior número possível de imigrantes ilegais, mesmo aqueles cuja única ilegalidade é entrar sem autorização no país.

A principal lei usada por Trump para fazer as deportações é a mais ampla regulando a imigração nos Estados Unidos: o Ato de Imigração e Nacionalidade de 1952 - criado e aprovado naquele ano por um Congresso de maioria democrata.

Ele afirma que uma pessoa que entra nos EUA ilegalmente está cometendo um ato infracionário, um crime mais leve, que pode ser processado em um tribunal criminal ou civil. Uma condenação resulta em deportação. Mas não há nada nesta lei - e em nenhuma outra - que afirme que o governo tem de separar as famílias.

O ato está em vigor há mais de 60 anos, mas a escolha de iniciar ou não um processo criminal contra os imigrantes pelo ato infracionário de entrar ilegalmente no país depende de cada governo.

Como as crianças não podiam ir para a prisão com os pais, detidos preventivamente por causa do processo criminal, elas passaram a ser separadas das famílias e enviadas para o Escritório de Reassentamento de Refugiados, que faz parte do Departamento de Saúde e Serviço Social.

Recentemente, Trump afirmou que tais crianças não ficarão mais separadas de seus pais, mas ainda não está claro como as famílias serão mantidas unidas na prática.

Negócios associados

Imigrante subindo em avião para ser deportado: Companhias aéreas se negaram a transportar crianças migrantes separadas de seus pais

Imigrante subindo em avião para ser deportado: Companhias aéreas se negaram a transportar crianças migrantes separadas de seus pais
© Getty Images Companhias aéreas se negaram a transportar crianças migrantes separadas de seus pais

Além dos centros de detenção, há também uma "complexa rede de negócios privados lucrando com a crise migratória", segundo Tylek.

"No setor de transportes, por exemplo, estão as empresas que transportam os imigrantes desde a fronteira até os centros de detenção. Em alguns casos, as empresas de transporte são propriedade dos mesmos conglomerados donos dos centros de detenção. Isso ocorre com o Geo Group e o CoreCivic, por exemplo", diz ela.

Além disso, diversas companhias aéreas americanas alugam seus aviões para o transporte de imigrantes, para deportação ou para enviá-los a centros de detenção. Nas últimas semanas, com o aumento das críticas públicas, muitas delas se negaram a transportar crianças que tivessem sido separadas de suas famílias.

O fornecimento de alimentação e telefonia para os centros de detenção também produz contratos lucrativos.

Crianças
No que diz respeito às crianças, as administradoras de centros infantis ficam encarregadas do alojamento e atendimento, enquanto a custódia fica a cargo do Departamento de Saúde e Serviços Sociais (HHS, na sigla em inglês) - que no último ano fiscal destinou US$ 958 milhões para a manutenção dos espaços de acolhida para menores migrantes.

Crianças em abrigo para imigrantes no Texas; espaços são administrados pelo Departamento de Saúde e Serviços Sociais

Crianças em abrigo para imigrantes no Texas; espaços são administrados pelo Departamento de Saúde e Serviços Sociais
© Getty Images Crianças em abrigo para imigrantes no Texas; espaços são administrados pelo Departamento de Saúde e Serviços Sociais

Esses espaços são diferentes dos centros de detenção, já que têm de oferecer salas de aula, serviços de saúde física e mental, espaços de recreação e serviços de reunificação familiar.

Administrativamente, esses lugares de acolhida dependem do Escritório de Reassentamento de Refugiados (ORR), que aloja atualmente cerca de 12 mil crianças nos EUA, inclusive as que foram separadas de seus pais no momento da imigração.

Embora muitos espaços de acolhida sejam geridos por instituições sem fins lucrativos, não escaparam da polêmica nas últimas semanas.

Um dos focos das críticas foi a Southwest Key, ONG sediada no Texas que nos últimos anos se tornou uma das principais instituições de acolhida no país - tem hoje 26 centros, com capacidade para abrigar 5 mil crianças.

O caso mais famoso é o da Casa Padre, construído no espaço que antes abrigava um supermercado e que conta com 1,5 mil leitos.

Casa Padre: ONG que administra a Casa Padre foi criticada pelo alto salário pago a seu presidente

Casa Padre: ONG que administra a Casa Padre foi criticada pelo alto salário pago a seu presidente
© Getty Images ONG que administra a Casa Padre foi criticada pelo alto salário pago a seu presidente

En 2018, a Southwest Key receberá US$ 458,6 milhões do HSS, elevando para US$ 1,5 bilhão o total de seus contratos com o governo federal na última década, segundo os registros do próprio HHS.

"Nosso crescimento é uma reação direta à chegada de crianças na fronteira", explicou Alexia Rodríguez, vice-presidente da organização, ao New York Times.

No entanto, documentos tornados públicos indicam que o fundador da ONG, Juan Sánchez, teria recebido em 2017 um salário anual de quase US$ 1,5 milhão - o que faria dele o quinto diretor de ONG mais bem pago dos EUA, segundo a organização CharityWatch.

"O chefe da Cruz Vermelha dos EUA recebe um salário de US$ 600 mil, e é uma ONG que gerencia centenas de milhões de dólares, controla a metade dos bancos de sangue e atua em situações de catástrofe. O orçamento dessa ONG (Southwest Key) é um décimo do da Cruz Vermelha", afirmou Daniel Borochoff, presidente da CharityWatch, à emissora CNN.

A BBC pediu uma entrevista com um porta-voz da Southwest Key, mas não obteve resposta até a publicação desta reportagem.

Protesto contra empresas que apoiam política migratória de Trump, que endureceu regras que já vinham de governos prévios

Protesto contra empresas que apoiam política migratória de Trump, que endureceu regras que já vinham de governos prévios
© Getty Images Protesto contra empresas que apoiam política migratória de Trump, que endureceu regras que já vinham de governos prévios.

A crise migratória deste ano também resultou em contratos emergenciais para o acolhimento de menores, caso, por exemplo, do firmado com a entidade Comprehensive Health Services para aumentar seu atendimento de 500 para mil crianças imigrantes no sul da Flórida.

Segundo a agência Bloomberg, a empresa receberá US$ 31 milhões pelos serviços adicionais.

Novas oportunidades
Esse tipo de negócio pode crescer ainda mais próximos meses.

Ao revogar a separação entre imigrantes e crianças, o governo americano indicou que pretende fazer com que as famílias permaneçam juntas, sob um regime de detenção que aparentemente se estenderia indefinidamente até que os pais fossem processados criminalmente.

Agente de fronteira com imigrantes: Detenção de imigrantes na fronteira acaba movimentando negócios que passam por transporte, alimentação, telefonia e acolhimento

Agente de fronteira com imigrantes: Detenção de imigrantes na fronteira acaba movimentando negócios que passam por transporte, alimentação, telefonia e acolhimento
© Getty Images Detenção de imigrantes na fronteira acaba movimentando negócios que passam por transporte, alimentação, telefonia e acolhimento.

Esse plano é de difícil aplicação e pode acabar sendo impugnado pela Justiça. Mas, caso seja levado a cabo, pode resultar no aumento do tempo de permanência desses imigrantes nos centros de detenção.

"Não está claro como o governo pretende aplicar (essa medida), porque existe uma decisão judicial determinando que os menores migrantes não permaneçam mais de 20 dias detidos", diz à BBC News Mundo Liz Willis, cofundadora do Asylum Seeker Advocacy Project (Projeto de Defesa do Solicitante de Refúgio), de assessoria judicial aos imigrantes.

Willis afirma que, atualmente, só há um centro nos EUA equipado para abrigar adultos homens e crianças juntos, e outros dois aptos a abrigar mães e crianças juntas.

"Não há espaços que possam abrigar as famílias completas", diz ele.

Seria necessário, portanto, investir mais dinheiro para construir ou adequar novos centros para alojar as famílias detidas.

sábado, 23 de junho de 2018

Vagas de emprego em todo o Brasil

Olá gente boa e amiga. Estamos identificando vagas de trabalho em todo o Brasil. Entre para o grupo de emprego que criamos e acesse agora a todas as vagas, ou acesse a página acima Classificados e boma trabalho.

Acesse o link abaixo e entre no grupo WhatsApp VAGAS DE EMPREGO
Serve para todo o Brasil

Ola gente. Fiz uma parceria no Brasil todo com as empresas pra ajudar a quem precisa (Mauro Franco). Entre no grupo de VAGAS DE EMPREGO e escolha o seu. Acesse este link para entrar no meu grupo do WhatsApp:

Resultado de imagem para vagas de emprego



Datafolha: 32% acham que Lula é o melhor para recuperar economia

O ex-presidente Lula anuncia candidatura à Presidência: O ex-presidente Lula durante reunião com membros do Partido dos Trabalhadores (PT), que decidiu sua candidatura à Presidência da República nas eleições de 2018
© AFP O ex-presidente Lula durante reunião com membros do Partido dos Trabalhadores (PT), que decidiu sua candidatura à Presidência da República nas eleições de 2018


Para 32% do eleitorado brasileiro, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) é o mais preparado para acelerar o crescimento da economia do país. É o que mostra pesquisa Datafolha, encomendada pela Folha de S.Paulo e divulgada nesta sexta-feira.

Assim como nas intenções de voto, nesta avaliação Lula é seguido pelo deputado federal Jair Bolsonaro (PSL), que soma 15%, e por Marina Silva (Rede), que tem 8%.

A maior vantagem de Lula é na Região Nordeste, onde 51% dos entrevistados preferem o petista para solucionar os problemas econômicos — em segundo está Bolsonaro, com 8%.

Entretanto, a preferência por Lula diminui conforme aumentam a escolaridade e renda dos entrevistados. Entre as pessoas com nível superior, o ex-presidente e Bolsonaro empatam, com 20%.

Entre os mais ricos, o deputado do PSL lidera com 22% e é seguido por Geraldo Alckmin (17%). Nesse grupo, Lula chega a 14%, empatado tecnicamente com o ex-ministro da Fazenda Henrique Meirelles (MDB), citado por 12%.

Segundo o Datafolha, caiu o número de pessoas que não acreditam na candidatura de Lula, tecnicamente impedido de disputar por estar enquadrado na Lei da Ficha Limpa: esse porcentual passou de 62%, em abril, para 55%, no início de junho. O número dos que acreditam que ele será candidato passou de 34% para 40%.

Entretanto, quando os entrevistados são questionados sobre se Lula deve ser candidato, há um empate: 48% acham que ele deveria ser impedido de concorrer e 49% acham que o petista deveria ser liberado para a disputa.

Veja.com

Pai de estilista Kate Spade morre uma hora após funeral da filha


Instagram
O pai de Kate Spade não resistiu ao funeral da filha e morreu cerca de uma hora depois. Earl F. Brosnahan Jr., de 89 anos, teve um ataque cardíaco após o falecimento da estilista.

“Ele estava com problemas de saúde ultimamente e ficou com o coração partido com a recente morte de sua amada filha. Ele estava em casa e cercado da família na hora da morte”, disse a família em comunicado à imprensa.

Para quem não lembra, o corpo da artista foi encontrado no dia 5 de junho, em seu apartamento, na Park Avenue, em Nova York. No local havia um bilhete destinado à filha, Frances Beatrix, de 13 anos. “Bea, eu sempre te amei. Não é culpa sua. Pergunte ao seu pai”.

Vale destacar que o Kate sofria de depressão e, segundo “O Globo”, o fato de Andy Spade, marido da modista, ter pedido divórcio piorou seu estado.

MSN

quarta-feira, 20 de junho de 2018

Torcedor que insultou mulher russa já foi preso pela Polícia Federal

Torcedor que insultou mulher russa já foi preso pela Polícia Federal: Luciano Gil Mendes de Coelho foi acusado de participação em esquema de desvios de recursos públicos e fraudes em licitações em Araripina (PE)
© Reprodução Luciano Gil Mendes de Coelho foi acusado de participação em esquema de desvios de recursos públicos e fraudes em licitações em Araripina (PE)

Leia a reportagem:
Um terceiro torcedor brasileiro presente no vídeo insultando uma mulher na Rússia foi identificado nesta terça-feira (19). É o empresário e engenheiro civil Luciano Gil Mendes de Coelho, natural de Jaicós, no interior do Piauí. Em 2015, ele foi preso em operação da Polícia Federal que investigava desvios de recursos públicos e fraudes em licitações na Prefeitura de Araripina (PE).

O Confea (Conselho Federal de Engenharia e Agronomia) e o Crea (Conselho Regional de Engenharia e Agronomia) do Piauí divulgaram nota de repúdio pela atitude do profissional.

O engenheiro piauiense, que faz doutorado em Portugal, é um dos torcedores que aparece constrangendo uma mulher que aparentemente não fala português. Eles faziam piada de cunho sexual sem que a estrangeira entendesse nada do que estava sendo dito. O vídeo viralizou no Brasil e tem causado revolta.

Entre os identificados insultando a mulher está também policial militar Eduardo Neves, de Santa Catarina e o advogado Diego Valença Jatobá, que foi secretário de Turismo de Ipojuca (PE).

+ 'Brincadeira de muito mau gosto', diz um dos que insultaram russa

Luciano Gil é formado pela UFPI (Universidade Federal do Piauí), já foi inspetor no Crea e atuou nas prefeituras de Araripina e Picos.

A reportagem tentou falar com ele, mas não respondeu às ligações. Segundo o Portal O Dia, do Piauí, ele disse por telefone que pede desculpas a todas as mulheres e que o consumo de álcool foi o responsável pela sua atitude.

+ Tenente da PM é um dos homens que assediou mulher na Rússia

Em nota, o Crea-PI e o Confea lamentam o que chamaram de "infame episódio de misoginia e sexismo realizado por um grupo de brasileiros durante a Copa do Mundo 2018". O Conselho informou que abriu procedimento administrativo para analisar o caso.

"O exercício da engenharia abrange a promoção da segurança, da qualidade de vida, da sustentabilidade, da proteção aos valores mais caros da experiência profissional e não o protagonismo de cenas lamentáveis e vergonhosas que desrespeitam a mulher, estrangeiros ou qualquer pessoa", diz a nota. 

Com informações da Folhapress.

terça-feira, 19 de junho de 2018

Cidade-fantasma no interior do Pará será tema de série de premiado cineasta alemão

Resultado de imagem para fordlandia
Foto Internet
A cidade-fantasma de Fordlândia, projeto utópico de Henry Ford falido no sudoeste do Pará, é a inspiração de nova série de televisão do cineasta premiado Werner Herzog, conhecido por filmes como “O Homem Urso” e “Fitzcarraldo”.

“Fordlandia”, anunciada na quinta (14) pelo site Deadline, é baseada no romance homônimo do vencedor do Pulitzer Greg Grandin, que escreveu sobre a ascensão e o fim do sonho de Ford no Brasil. O magnata tinha a ambição de levar os valores que edificaram seu império à floresta, onde pensava poder construir uma “cidade ideal”, típica do subúrbio dos EUA.

A colônia industrial de Fordlândia foi criada em 1927, quando Ford adquiriu um terreno de 15 mil m² na região de Santarém, a 800 km da capital paraense. Seu plano era construir um polo de produção de borracha para os pneus dos automóveis que fabricava. Apesar de ter iniciado, o projeto não decolou, e menos de duas décadas depois o lugar foi deixado às ruínas.

A adaptação do romance para a série será escrita por Christopher Wilkinson, conhecido pelo trabalho em “O Dono do Jogo”, “Ali” e “Nixon”, indicado ao Oscar de melhor roteiro em 1996. Wilkinson também será produtor executivo de “Fordlandia” junto com Herzog.

“A história de um magnata com poder absoluto e que impõe sua visão dos EUA sobre o mundo é extremamente relevante nos dias de hoje”, disse Ashok Amritraj ao Deadline. O produtor está à frente do grupo Hyde Park Entertainment, que desenvolve a série.

“Essa é uma história verdadeira incrível. Estamos animados para trabalhar com Werner, um dos cineastas mais emblemáticos do mundo, e Chris, um escritor excepcional”, afirmou.

(Folhapress)

Assim será o primeiro casamento homossexual da história da realeza

O lorde Ivar Mountbatten, primo de Elizabeth II, será o primeiro membro da família real a realizar um casamento homossexual
© GETTY O lorde Ivar Mountbatten, primo de Elizabeth II, será o primeiro membro da família real a realizar um casamento homossexual

família real britânica viverá outro casamento histórico este ano. Depois do matrimônio do príncipe Harry e Meghan Markle (a primeira mulher afrodescendente a fazer parte da Casa de Windsor), Ivar Mountbatten (55 anos) -- filho do terceiro Marquês de Milford Haven e primo da rainha Elizabeth II -- dirá o ‘sim’ para seu namorado, James Coyle (56 anos). Os noivos, que realizarão uma pequena cerimônia íntima no final do verão europeu em uma capela privada em Devon (sul da Inglaterra), se tornarão, deste modo, o primeiro casal homossexual na história da monarquia.
Embora haja poucos detalhes sobre o casamento, que terá pouco mais de uma centena de convidados entre parentes e e amigos, há a informação de que quem acompanhará o lorde Mountbatten ao altar será sua ex-esposa, Penny Thopmson, com quem foi casado por 16 anos e tem três filhas. "Foi ideia das meninas. Estou muito emocionada... é algo realmente comovente", disse em entrevista aoThe Daily Mail, na qual posou com seu ex-marido e namorado atual. De acordo com o artigo, o lorde Mountbatten sempre teve consciência de sua sexualidade, mas não se atreveu a sair do armário em sua juventude por medo de decepcionar seus pais e ter que enfrentar a homofobia da sociedade na época. Casou-se -- apaixonado -- com sua ex-mulher, a quem confessou desde o início que era bissexual e com quem teve três filhas (Ella, de 22 anos, Alix, de 20, e Luli, que completou 15 anos). O casal se divorciou há oito anos, e agora a ex-esposa está contente com a ideia do casamento.
Em 2016, o lorde Mountbatten causou certo burburinho ao revelar sua verdadeira sexualidade e seu relacionamento com um homem, mas, de acordo com sua ex-esposa, depois de dar o passo "está muito mais relaxado, mais amável e se tornou um ótimo cozinheiro. Provavelmente nem mesmo ele estava ciente de que manter sua sexualidade em segredo o atormentava. Agora que saiu do armário, é uma pessoa completamente diferente. Todo mundo diz que nunca o viu tão feliz".
No final do verão europeu, o lorde Mountbatten fará história ao formalizar seu compromisso e protagonizar o primeiro casamento homossexual da realeza. "Quero fazer isso por James, ele nunca se casou. Eu não preciso me casar, porque já fiz isso e tenho filhas maravilhosas, mas acho que é importante para ele", afirma.
Aparentemente, o matrimônio conta com a aprovação dos amigos do casal e da família real britânica. No momento, não se sabe quem participará da cerimônia, embora seu primo e amigo íntimo, o príncipe Edward, não poderá comparecer por motivos de agenda. "Sophie e Edward conhecem nossos planos e estão muito emocionados por nós... Infelizmente, não podem ir ao casamento. Suas agendas são organizadas com meses de antecedência e não poderão estar lá, mas adoram James. Todos o adoram", diz o lorde Mountbatten.
El Pais

Tiroteio deixa um morto e 20 feridos em festival nos Estados Unidos

Festival Art All Night, em Trenton, nos Estados Unidos
© Divulgação Festival Art All Night, em Trenton, nos Estados Unidos
Um tiroteio na 12ª edição do festival Art All Night em Trenton, no estado de Nova Jersey, nos Estados Unidos, deixou uma pessoa morta e 20 feridas. Um dos suspeitos, de 33 anos, foi morto e um segundo foi detido. Ambas identidades são mantidas em sigilo.

Os disparos foram feitos por volta das 2h50 da madrugada deste domingo (3h50 no horário de Brasília). A vítima mais jovem tem 13 anos e seu estado de saúde é crítico, segundo fontes da imprensa local. O evento, que continuaria ao longo do domingo, foi cancelado após a tragédia.

A organização do festival disse estar “chocada e profundamente triste” em uma nota publicada em sua página da rede social na manhã deste domingo. “Ainda estamos processando muito isso e ainda não temos muitas respostas”, diz o post, que também afirma não haver artistas entre as vítimas.

“Sabemos que há muitas perguntas e muita especulação neste momento. Ainda estamos tentando nos informar sobre essa situação toda. O que sabemos é que agora não podemos liberar nenhum trabalho artístico que esteja atualmente dentro do prédio da Roebling Wire Works. Dito isso, prometemos que entraremos em contato assim que tivermos mais perguntas sobre isso. Nós realmente agradecemos sua compreensão e paciência durante esta situação incrivelmente difícil e confusa”, afirma o comunicado.

Veja. com

segunda-feira, 18 de junho de 2018

Cidade que nasceu com o Garimpo de Serra Pelada #Curionópolis-PA

Rússia ganha dinheiro com os vestígios do tempo do comunismo

Resultado de imagem para vestigio do comunismo
Imagem Internet
Carro blindado usado pela União Soviética na Segunda Guerra está à disposição do público em uma espécie de parque temático.

 Heranças da Guerra Fria: a Rússia, hoje, ganha dinheiro com os vestígios do tempo do comunismo. Os símbolos soviéticos ganham novos sentidos. O que hoje é um restaurante a 67 metros abaixo da terra já foi um bunker. Revestido por dois metros de concreto e com uma estrutura de metal reforçada, o local é protegido de qualquer tipo de ataque à Rússia.

Um carro blindado usado pela União Soviética na Segunda Guerra está à disposição do público em uma espécie de parque temático. A blindagem é tão forte, tão pesada, que ele foi usado na avaliação do terreno de Chernobyl, na Ucrânia, quando houve o desastre nuclear. Os visitantes também são apresentados a uma invenção dos russos: kalashnikov, o fuzil AK-47 - arma de fogo que mais mata no mundo.

G1/MSN

terça-feira, 12 de junho de 2018

Polícia Federal faz buscas em casas e no gabinete de Cristiane Brasil

PF investiga se Cristiane Brasil tem participação na organização criminosa que atua no Ministério do Trabalho
João Ricardo/PTB - 29.11.17
PF investiga se Cristiane Brasil tem participação na organização criminosa que atua no Ministério do Trabalho

Mandado de busca e apreensão integra a Operação Registro Espúrio, cuja primeira fase ocorreu em maio; PF passou horas no gabinete da deputada

Agentes da Polícia Federal (PF) deixaram, após mais de três horas de buscas, nesta terça-feira (12), o gabinete da deputada federal Cristiane Brasil (PTB-RJ) na Câmara. Os policiais passaram parte da manhã no Anexo 4 da Casa para cumprir mandado de busca e apreensão no âmbito da segunda fase da Operação Registro Espúrio. 

Além do seu gabinete, as residências de Cristiane Brasil, localizadas em Brasília e no Rio de Janeiro, também foram vasculhadas pela PF, que investiga se a parlamentar tem participação na organização criminosa que atua na concessão fraudulenta de registros sindicais no Ministério do Trabalho.

Os mandados foram expedidos pelo Supremo Tribunal Federal (STF). Segundo a PF, ainda serão expedidas também medidas cautelares para impedir que os investigados na Operação tenham contato com servidores do ministério.

Operação Registro Espúrio

A Polícia Federal informou que a Operação Registro Espúrio foi deflagrada há um ano, a partir de denúncia sobre concessão de falsos registros sindicais.

Segundo a PF, foi descoberto um “amplo esquema de corrupção dentro da Secretaria de Relações de Trabalho do Ministério do Trabalho, com suspeita de envolvimento de servidores públicos, lobistas, advogados, dirigentes de centrais sindicais e parlamentares”.

São apurados os supostos crimes de organização criminosa, corrupção passiva e ativa e lavagem de dinheiro. 

A primeira fase dessa operação ocorreu em maio, quando o secretário-executivo do Ministério do Trabalho, Leonardo José Arantes, teve mandado de prisão expedido. Na ocasião, as sedes dos partidos PTB – presidido pelo ex-deputado Roberto Jefferson, pai de Cristiane – e Solidariedade, bem como da Força Sindical, também foram alvos de busca.  

Cristiane Brasil e a busca por um nome limpo

Em nota, a assessoria de Cristiane disse que a deputada foi surpreendida pela operação e que espera que os fatos sejam esclarecidos em breve.

De acordo com o texto enviado à impressa, a deputada não teria papel nas decisões tomadas pelo Ministério do Trabalho.

Vale lembrar que o nome da filha de Roberto Jefferson chegou a ser cogitado e escolhido pelo governo Temer para assumir a pasta no início do ano. No entanto, a sua posse foi suspensa por decisão judicial, o que a deputada federal classificou como uma 'campanha difamatória'.

“Espero que as questões sejam esclarecidas com brevidade, e meu nome, limpo”, diz Cristiane Brasil . 
* Com informações da Agência Brasil.


Fonte: Último Segundo - iG

China celebra 'nova história' e sugere fim das sanções contra Coreia do Norte

Após reuniões, Donald Trump, presidente dos EUA, e Kim Jong-Un, da Coreia do Norte, assinaram compromisso pela paz
Divulgação
Após reuniões, Donald Trump, presidente dos EUA, e Kim Jong-Un, da Coreia do Norte, assinaram compromisso pela paz


Reunião entre Trump e Kim Jong-un também foi elogiada pela Índia; a Rússia, por sua vez, enalteceu o encontro, mas disse que 'o diabo está nos detalhes'

O dia pode ser dos namorados no Brasil, mas o encontro que mais tem relevância mundial nesta terça-feira (12) é a histórica Cúpula de Cingapura: a inédita reunião entre o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump , e o líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un. 

Poucas horas após a reunião, algumas reações da comunidade internacional já começam a aparecer. A China, por exemplo, elogiou o encontro e disse que ele tem um "importante e positivo significado, iniciando uma nova história" entre os Estados Unidos e a Coreia do Norte.

Esse foi o comentário feito pelo ministro das Relações Exteriores de Pequim, Wang Yi, que, apesar da empolgação, pediu aos dois países que resolvam todos os seus problemas com "conversas paritárias" e estabeleçam "uma confiança recíproca".

Por sua vez, o porta-voz do Ministério, Gang Shuang, pediu ao Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) que repensasse a possibilidade de suspender ou revogar as sanções internacionais contra Pyongyang, impostas por conta dos seus testes nucleares. 
"As sanções não são a conclusão. Nós acreditamos que o Conselho de Segurança deve se esforçar para apoiar os passos diplomáticos da fase atual [de negociações]', afirmou ele.

A Índia também elogiou a reunião, considerando-a um "passo importante para a paz e para a estabilidade na península coreana". "A Índia sempre apoiou todos os esforços para levar paz e estabilidade à península coreana através do diálogo e da diplomacia", comentou o governo em uma nota oficial.

A Coreia do Sul, que até poucos meses atrás era uma adversária política da vizinha do Norte, disse que a Cúpula de Cingapura é "histórica", além de ser capaz de encerrar o último capítulo da Guerra Fria e de escrever uma nova história de paz e cooperação.

"Cumprimento e recebo com felicidade o sucesso da histórica cúpula entre EUA e Coreia do Norte", disse o presidente Moon Jae-in, que se emocionou ao assistir ao encontro pela TV.

A Rússia, por sua vez, não se entregou totalmente ao otimismo. Em um comunicado oficial, Moscou elogiou a reunião entre Trump e Kim, mas demonstrou certa desconfiança sobre os próximos passos de ambos os países.

"Não podemos deixar de acolher de maneira positiva os passos feitos hoje, apesar do diabo estar nos detalhes", disse o vice-ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Ryabkov.

Cúpula de Cingapura 
A reunião entre Donald Trump e Kim Jong-un foi a primeira da história entre um presidente dos EUA e um líder da Coreia do Norte.

Ao fim da Cúpula de Cingapura, o líder norte-coreano concordou em abrir mão do seu plano nuclear, em troca de apoio de Washington no setor de segurança da Coreia do Norte .

* Com informações da Agência Ansa.

Fonte: Último Segundo - iG

segunda-feira, 11 de junho de 2018

Padre encontra R$ 160 mil em confessionário após confundir dinheiro com bomba

Padre encontrou o dinheiro, milhares de notas de cinquenta euros, sob uma cadeira que fica no confessionário da igreja
Creative Commons/Pixabay
Padre encontrou o dinheiro, milhares de notas de cinquenta euros, sob uma cadeira que fica no confessionário da igreja

Polícia acredita que um fiel muito generoso pode ter doado o dinheiro para a igreja, mas não descarta a possibilidade de alguém ter se arrependido de conseguir o valor de forma ilícita e decidir deixar no lugar para se redimir.

Padre encontrou o dinheiro, milhares de notas de cinquenta euros, sob uma cadeira que fica no confessionário da igreja.

Muitas pessoas já encontraram notas de dinheiro perdidas pela cidade. Algumas acham pequenos valores na calçada e decidem pegar para si, enquanto outras se deparam com milhares de reais e tentam localizar o dono. Mas, e se você encontrasse R$ 160 mil no confessionário de uma igreja, o que faria? Porque esta situação acabou de acontecer com um padre em Roma.


De acordo com informações do The Guardian , a polícia foi chamada nesta quarta-feira (6) para atender uma ocorrência na igreja de Santa Maria delle Grazie alle Fornaci, perto do Vaticano. Informados de que poderia haver uma bomba no local, eles correram até a igreja preparados para lidar com uma explosão. Mas, felizmente, encontraram muito dinheiro em notas de cinquenta euros.

Tudo começou quando o padre Giovanni Martire Savina encontrou uma caixa escondida sob a cadeira do confessionário. Ele chamou seus colegas e todos concluíram que era melhor acionar as autoridades, ficando muito surpresos quando o verdadeiro conteúdo da caixa foi revelado.

Os policiais suspeitam que a quantia foi deixada por algum fiel muito generoso ou por alguém que, arrependido por ter adquirido o valor de maneira ilegal, imaginou que uma doação para a igreja poderia resolver o suposto problema. “No momento, não estamos excluindo nenhuma possibilidade”, disse Salvatore Friano, oficial responsável pelas investigações do caso.

“Estamos verificando a origem das notas e as câmeras de segurança para tentar estabelecer se os valores vieram de um benfeitor que queria doar para a igreja ou de alguém que queria se livrar disso”, Friano declarou à imprensa local.

Doação de muito dinheiro é comum nas igrejas de Roma?
O padre Savina disse ao jornal Il Messaggero que receber quantias de euros é algo que costuma acontecer na igreja, mas esta foi a primeira vez que um grande valor apareceu nas instalações de Roma . “Algumas pessoas deixam quantias substanciais, de até mil euros, mas nunca desse jeito”.

Hoje em dia, o número de doações e de pessoas que procuram o confessionário diminuiu muito, como consequência da queda da popularidade da religião na Itália.

Contudo, independente da vontade de deixar uma grande quantia em dinheiro para a paróquia, o local passou a atrair muitos católicos, sendo que um deles ressaltou que “é muito importante se confessar”.

Fonte: Último Segundo - iG

"Estamos aqui há 45 minutos", diz casal flagrado fazendo sexo em cima de túmulo

O homem que estava fazendo sexo no túmulo ficou muito irritado após ser filmado e denunciado para as autoridades
Reprodução/Metro.co.uk
O homem que estava fazendo sexo no túmulo ficou muito irritado após ser filmado e denunciado para as autoridades

Scott Elwood encontrou o casal fazendo sexo nos jardins de uma igreja, filmou tudo e postou na internet, o que não deixou os envolvidos felizes

O homem que estava fazendo sexo no túmulo ficou muito irritado após ser filmado e denunciado para as autoridades

O britânico Scott Elwood estava passeando com seu cachorro na região de Grande Manchester, na Inglaterra, quando se deparou com uma cena nada comum em plena luz do dia. Ao passar pelos arredores de uma igreja, encontrou nada mais nada menos do que um casal que decidiu fazer sexo em cima de um túmulo.

Segundo informações do portal Metro , o caso aconteceu na última quarta-feira (6) e deixou Elwood muito furioso. Ele imaginou que os dois iriam parar de fazer sexo assim que descobrissem que foram pegos, mas não foi nada disso o que aconteceu. O casal começou a se vangloriar de estar transando há 45 minutos e só reagiu a presença do homem quando ele pegou o celular e começou a filmar todo o ato.

Ele não pensou duas vezes antes de compartilhar a gravação nas redes sociais e também levá-la para a polícia, fazendo com que a situação viralizasse no Reino Unido. Como boa parte da região de Grande Manchester ficou sabendo do vídeo, não demorou muito para que chegasse até o casal que foi flagrado, sendo que o homem em questão entrou em contato com Elwood e lhe deu alguns “conselhos”.

De acordo com o ‘cinegrafista’ à imprensa local, ele recebeu as recomendações de “arrumar uma vida” e “correr alguns riscos de vez em quando para sentir a excitação de ser pego”. Os conselhos não foram muito bem recebidos pelo britânico, que acredita que o homem que transava sobre o túmulo é “um verdadeiro idiota”.

Sexo em público 
“É muito desrespeitoso fazer isso no túmulo de alguém. É horrível, e se fosse sobre o de alguém que eu conhecesse, minha reação teria sido ainda pior”, contou o artesão. “Eu teria ficado muito mais irritado, não posso imaginar o que a família de quem está enterrado ali pensaria”.

“Muitas crianças brincam de esconde-esconde nos jardins da igreja, e com muita sorte não havia nenhuma delas naquele dia. Seria ainda pior se uma criança tivesse presenciado o sexo ”, concluiu.

Fonte: Último Segundo - iG

Chinesa tenta arrancar língua de ex-namorado durante 'beijo de despedida'

Chinesa identificada como Zhou, de 26 anos, mordeu a língua do ex-namorado após ele tentar terminar relacionamento
Reprodução/Daily Mail
Chinesa identificada como Zhou, de 26 anos, mordeu a língua do ex-namorado após ele tentar terminar relacionamento

Términos são dolorosos, e para este homem, foi mais ainda. Segundo o Daily Mail , transeuntes que passavam por uma rua movimentada no leste China no último domingo (20) tiveram que acionar a polícia local após uma mulher de 26 anos tentar arrancar a língua de seu ex-namorado com os dentes durante um beijo de despedida.

O rapaz de 23 anos, identificado somente como Liu, afirmou aos oficiais da província de Anhuiu que estava tentando terminar o seu relacionamento com a mulher, quando ela o beijou e começou a morder sua língua com muita força. “Ela pediu um beijo de despedida e me mordeu. Não conseguia me soltar de forma alguma”, disse.

Homem foi levado para o hospital após mordida na língua
Testemunhas que presenciaram o incidente afirmaram que o rapaz gritava de dor e a polícia precisou utilizar spray de pimenta para conseguir libertar a vítima do 'beijo assassino'. 


As autoridades socorreram o chinês e levaram a mulher para a delegacia. Durante uma conversa com os policiais, os pais da acusada explicaram que a filha havia se tornado "mentalmente instável" depois de ser enganada enquanto fazia compras online, o que afetou significativamente seu comportamento.

Eles ainda expuseram que a filha e o namorado estavam juntos há anos e que não sabiam que pretendiam se separar.  

O policial responsável pelo resgate, Wu Changfeng, alegou que o rapaz foi levado diretamente para o hospital e que sofreu ferimentos leves na boca.  A ex-namorada, de sobrenome Zhou, foi liberada da delegacia e levada para a casa de seus pais.


"Quando chegamos, alguns transeuntes disseram que o casal estava discutindo, e que falava em alto e bom som sobre o fim do relacionamento, até que a mulher beijou o rapaz e tentou arrancar sua língua  para evitar que ele a deixasse. Tivemos que usar um spray de pimenta para que ela o soltasse. Os pais da garota afirmaram que ela havia sido internada em uma clínica para receber tratamentos psicológicos, e que a partir de agora a levariam para a casa para que cuidassem dela”, concluiu.

Fonte: Último Segundo - iG

sábado, 9 de junho de 2018

Faça o verdadeiro feijão à brasileira

Faça o verdadeiro feijão à brasileira: Um bom feijão tem aquele delicioso caldo grosso e o tempero na medida certa
© iStock Um bom feijão tem aquele delicioso caldo grosso e o tempero na medida certa

O feijão é um tipo de leguminosa muito rica em proteína vegetal, que ajuda na composição dos músculos e tecidos do corpo. Um bom feijão tem aquele delicioso caldo grosso e o tempero na medida certa. Descubra como fazer o autêntico feijão brasileiro.

INGREDIENTES

Cebola, alho, sal e azeite
1 kg de feijão
Água
Linguiça e bacon a gosto se desejar

MODO DE PREPARO

Coloque a quantidade de feijão que for preparar em uma vasilha e de uma olhada, retire grãos feios e pedrinhas que encontrar.
Deixe o feijão de molho por 15 minutos (se for usar panela de pressão) ou 24 horas (se for usar panela comum) descarte essa água, pois contem toxinas com o fitato.
Cozinhar feijão em panela de pressão

Espere a panela esfriar e retire a pressão levantando a válvula com um garfo, tem quem coloque metade da panela em baixo da torneira para esfriar. (Nunca abra a panela quente e com pressão).
Coloque o feijão e a água (para cada xícara (chá) de feijão use 3 de água), tampe a panela e depois que ela começar a chiar conte 25 minutos (p/ feijão novo) ou 30 minutos (p/ feijão velho).
Pegue alguns grãos e veja se eles estão macios se você conseguir amassar com um garfo sem esforço ele esta no ponto, se não volte ele para o fogo sem a tampa e deixe cozinhar por mais alguns minutos.
Cozinhar feijão em panela comum

Coloque o feijão e a água (para cada xícara (chá) de feijão use 3 de água), tampe a panela e depois que a água começar a ferver espere 1h30
Confira se os grãos estão macios e se estiver é hora de temperar
Como temperar feijão: (Serve para os dois modos)

Para cada 1 xícara, use meia cebola (pequena) em cubos, 2 ou 3 dentes de alho amassados, 1 colher de chá de sal e 1 colher de azeite, basta refogar tudo no azeite em uma panela separada, quando refogar pegue 1 concha de feijão com caldo e jogue na panela do refogado e amasse com a concha ou uma amassador de batatas.

(Amassando o feijão você expõe sua “carne” onde contem amido e ajuda a engrossar o caldo).Deixe ferver e devolva para a panela do feijão, misture bem e adicione 1 folha de louro se desejar pode fritar linguiça ou bacon e colocar também, agora espere cerca de 10 minutos para que o caldo engrosse. (Importante mexer de vez enquanto para não grudar e queimar).
Importante: Se usar cebola, sabia que o feijão tende a estragar mais rápido, aqui em casa uso apenas alho, sal, azeite e 1 folha de louro.

Congelar: De preferência não congele temperado, apenas cozido assim você vai ter um feijão sempre fresquinho.

O tempo de cozimento varia com a quantidade? Não apenas muda se o feijão for velho ou novo, uma dica é que se ele for velho deixe de molho por uns 30 minutos com água quente, assim ele da uma amolecida e facilita o cozimento.

Dica: Se você tiver espaço no freezer cozinhe o pacote todo e congele em pequenas porções assim vai ter feijão por pelo menos 3 semanas.

Cuidados: Mantenha a borracha da panela sempre em boas condições, a válvula sempre limpa e nunca encha demais a panela, siga as instruções de segurança.

msn

Publicidade Google

Publicidade Portal das Malas

Portal das Malas

Publicidade Shoptime

Publicidade Submarino

Publicidade recargapay

Publicidade Timecenter

Publicidade Euro

Publicidade Trocafone

Publicidade Motorola

Publicidade Plantei

Publicidade Veloe

Publicidade JetRadar

Jetradar

Publicidade Sumup